terça-feira, 14 de outubro de 2014

"Cântico das Criaturas", de S. Francisco de Assis

terça-feira, outubro 14, 2014 Posted by: Caminho em Big Field., 0 comments

Altíssimo, Omnipotente, Bom Senhor 
Teus são o Louvor, a Glória, 
a Honra e toda a Bênção.
Louvado sejas, meu Senhor, 
com todas as Tuas criaturas, 
especialmente o senhor irmão Sol, 
que clareia o dia e que, 
com a sua luz, nos ilumina. 
Ele é belo e radiante, 
com grande esplendor; 
de Ti, Altíssimo, é a imagem.
Louvado sejas, meu Senhor, 
pela irmã Lua e pelas estrelas, 
que no céu formaste, claras. 
preciosas e belas.
Louvado sejas, meu Senhor. 
pelo irmão vento, 
pelo ar e pelas nuvens, 
pelo sereno 
e por todo o tempo 
em que dás sustento 
às Tuas criaturas.
Louvado sejas, meu Senhor, 
pela irmã água, útil e humilde, 
preciosa e casta.
Louvado sejas, meu Senhor, 
pelo irmão fogo, 
com o qual iluminas a noite. 
Ele é belo e alegre, 
vigoroso e forte.
Louvado sejas, meu Senhor, 
pela nossa irmã, a mãe terra, 
que nos sustenta e governa, 
produz frutos diversos, 
flores e ervas.
Louvado sejas, meu Senhor, 
pelos que perdoam pelo Teu amor 
e suportam as enfermidades 
e tribulações.
Louvado sejas, meu Senhor, 
pela nossa irmã, a morte corporal, 
da qual homem algum pode escapar.

Louvai todos e bendizei o meu Senhor! 
Dai-Lhe graças e servi-O 
com grande humildade!


quinta-feira, 9 de outubro de 2014

HÁ UMA PADARIA DE JUSTIÇA NA NOSSA ALMA. FARTURA!

quinta-feira, outubro 09, 2014 Posted by: Caminho em Big Field., 0 comments

"Jesus foi por toda a Galileia, ensinando nas sinagogas deles, pregando as boas-novas do Reino e curando todas as enfermidades e doenças entre o povo. Notícias sobre ele se espalharam por toda a Síria, e o povo lhe trouxe todos os que sofriam de vários males e tormentos: endemoninhados, loucos e paralíticos; e ele os curou. Grandes multidões o seguiam, vindas da Galileia, Decápolis, Jerusalém, Judeia e da região do outro lado do Jordão.

Vendo as multidões, Jesus subiu ao monte e se assentou. Seus discípulos aproximaram-se dele, e ele começou a ensiná-los, dizendo: “Bem-aventurados os pobres em espírito, pois deles é o Reino dos céus. Bem-aventurados os que choram, pois serão consolados. Bem-aventurados os humildes, pois eles receberão a terra por herança. Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, pois serão satisfeitos. Bem-aventurados os misericordiosos, pois obterão misericórdia. Bem-aventurados os puros de coração, pois verão a Deus. Bem-aventurados os pacificadores, pois serão chamados filhos de Deus. Bem-aventurados os perseguidos por causa da justiça, pois deles é o Reino dos céus. “Bem-aventurados serão vocês quando, por minha causa, os insultarem, os perseguirem e levantarem todo tipo de calúnia contra vocês. Alegrem-se e regozijem-se, porque grande é a sua recompensa nos céus, pois da mesma forma perseguiram os profetas que viveram antes de vocês".

É fascinante o tipo de Rei que Jesus é. 

Ele não fica em Palácios. É parte do povo nas ruas. Ali ele institui seu reinado.

Seria como ver um presidente transitando por hospitais, escolas, mercados públicos e igrejas. Não pra fazer campanha e serem aclamados, e nem como um evento pontual. Jesus trabalhava todo dia no meio do povo.

E ele era o Rei...
Susto!
Ele não era meramente o Rei de uma pequena nação do oriente médio. 


domingo, 28 de setembro de 2014

A verdadeira história de Cosme e Damião

domingo, setembro 28, 2014 Posted by: Caminho em Big Field., 0 comments

Por Hermes C. Fernandes

Filhos de uma nobre família de cristãos, os gêmeos árabes Cosme e Damião nasceram por volta do ano 260 d.C. Desde muito jovens manifestaram um enorme talento para a medicina, profissão a qual se dedicaram após estudarem e diplomarem-se na Síria. 

Amavam a Cristo com todo o fervor de suas almas, e decidiram dedicar suas vidas ao serviço do amor. Por isso, não cobravam pelas consultas e atendimentos que prestavam, o que lhes rendeu o apelido de "anárgiros", ou seja, “aqueles que são inimigos do dinheiro" ou "que não são comprados por dinheiro". A riqueza que almejavam era fazer de sua arte médica também o seu ministério para o bem de todos. Inspirados no amor de Cristo, usavam a fé aliada aos conhecimentos científicos para atenuar a dor dos enfermos e inválidos. Ao invocarem o nome de Jesus, muitos eram curados, alguns à beira da morte. Até animais eram sarados, pois entendiam que “toda a criação aguarda, com ardente expectativa, pela manifestação da glória de Deus em Seus filhos” (Rm. 8:18:19). 

Seu testemunho de amor produziu inúmeras conversões ao evangelho da graça, chamando a atenção das autoridades. Durante a perseguição promovida pelo Imperador romano Diocleciano, por volta do ano 300, Cosme e Damião foram presos, levados a tribunal e acusados de se entregarem à prática de feitiçarias e de usar meios diabólicos para disfarçar as curas que realizavam. Ao serem questionados quanto as suas atividades, eles responderam: "Nós curamos as doenças em nome de Jesus Cristo, pela força do Seu poder". 


quinta-feira, 25 de setembro de 2014

O BEM SUCEDIDO E O BEM AVENTURADO

quinta-feira, setembro 25, 2014 Posted by: Caminho em Big Field., 0 comments


Tudo ao nosso redor coloca como objetivo da vida ser bem sucedido, e me chama a atenção que, na minha tradição pelo menos tem um outro convite: Ser Bem Aventurado. É engraçado como essa palavra tem pouco sentido e é traduzida automaticamente para "feliz" ou "abençoado", sem se perceber o que ela quer dizer. Bem aventurado quer dizer literalmente "estar em uma boa
 aventura". No hebraico, ou no aramaico, onde ela foi dita originalmente no meu contexto, ela é originada do termo Ashar, que quer dizer simplesmente "EM FRENTE", "SIGA RETO". Assim o significado da palavra poderia ser entendido assim "siga em frente com a alegria de quem sabe que está metido em uma grande e boa aventura". Ser bem aventurado aponta obrigatoriamente para a frente, para a surpresa, para o que estar por vir. Sucedido, vem do latim succedere, e quer dizer literalmente "o que veio depois". Note que são dois sentidos opostos: Um olha para trás, o outro para o caminho adiante, um é esperado, o outro é esperança, um é objetivo, o outro é estrada. No mundo onde a gente está, todo mundo quer ser bem sucedido, mas eu fico com meu mestre, que me chamou a ser Bem aventurado. Por que mais que o resultado baseado na monotonia planejada do que fiz, penso que coaduna mais com a eternidade que espero, a aventura de viver, de ousar, de descobrir e de seguir em frente, na certeza de estar metido em uma grande aventura com futuro, que deixar de vivê-la em troca do objetivo que já me está determinado e garantido no passado.

Claudio Oliver